domingo, 12 de outubro de 2014

"REAPRENDENDO" A CORRER

E aí, Corredor?!

Depois de 8 anos no universo das corridas, tendo corrido provas de 5k, 10k, 16k, 21k e maratonas, enfrentado as surpresas de provas de trilhas, corridas de revezamento de 150k e 100k eu estou reaprendendo a correr.

É mais ou menos isso o que está acontecendo comigo desde o ano passado. Reaprendendo a correr. E parece que a tarefa é bem mais difícil do que se eu estivesse começando a correr. 

Vou explicar: na verdade, muitos de vocês, seguidores, conhecem a minha história e que ano passado descobri que estava com um esporão calcâneo, uma calcificação que acontece na região do calcanhar que, na hora da passada, comprime o tendão e resulta numa dorzinha chata e que incomoda muito.

Aí, como a cirurgia nem é recomendada, já que é bem invasiva e pode nem dar certo, meu médico me orientou a correr menos, prova de baixa quilometragem. E claro que, de imediato, não segui à risca o que ele falou. Encarei a terceira maratona, para completar, e, no segundo semestre, "hibernei", partindo para o pedal e ficando sem correr, para só no final do ano voltar a dar minhas passadas.

Mas a dor continua, meus amigos. E a forma que tenho para continuar a correr é mudar completamente minha forma de correr. Se antes eu batia antes o calcanhar no chão para depois jogar o resto do pé agora tenho que bater primeiro o plantar, deixando o calcanhar para o final da passada.

Parece fácil, mas não é. Quando você está acostumado com uma maneira, já tem uma mania, fica difícil fazer a mudança. 

Para isso, tranquilidade na hora de correr. E ainda evitando provas longas. Hoje, 12/10, pedalando pela Eixão, onde já corri várias provas, me deparei com a Meia Maratona da Mizuno. Ah, que saudade, que vontade de estar ali correndo com os amigos, que saudade do clima de uma prova de longa distância.

Corri, no mês de setembro, duas provas de 5K. E já foi bom voltar ao clima de uma prova, mesmo que curta. Mesmo correndo um pouco mais lento que o meu normal, consegui fazer bem a prova, terminando uma em 27mim e outra em 26min, mas o mais gostoso foi o prazer das passadas, de correr, de suar. 

Só que estou com saudade mesmo é de ficar correndo mais de uma hora, sair de casa e fazer uma Corrida Sem Compromisso, curtir o vento na cara e o movimento.

Mas primeiro, reaprender a correr, me especializar na nova passada, recuperar o condicionamento para poder voltar a pensar nestes "voos mais longos". Uma coisa de cada vez.

E vamos que vamos, por que parar de correr não dá. Devagar e sempre! Este é o meu lema.

Boas passadas. 

2 comentários:

Sérgio Bruno Aguiar Ursuilno disse...

Nunca é tarde para reaprendermos.

Arlan Viana disse...

Olá!

Estou iniciando nas corridas de rua. Atualmente corro com o tênis Cumulus da Asics e estou querendo comprar outro também para corrida. Gostaria de saber se é aconselhável ter dois tênis pra corrida? Lembrando que, o que pretendo comprar é de outra marca, portanto dois tênis para corrida mas de marcas diferentes. O que vocês tem a dizer?

Desde já agradeço pela atenção.

At.,

Arlan Viana